quarta-feira, janeiro 03, 2007

As melhores músicas de sempre!!!!

(segundo a RFM...)

1 One U2
2 Bohemian Raphosody Queen
3 First day of my life Melanie C
4 Foi Feitiço André Sardet
5 Everytime Britney Spears
6 Imagine John Lennon
7 A wonderflull world Louis Amstrong
8 Wish you were here Pink Floyd
9 Hotel California Eagles
10 We are the champions Queen
11 My Heart Will Go On Celine Dion
12 Another brick in the wall Pink Floyd
13 She Elvis Costello
14 Everything I do (I do it for you) Bryan Adams
15 With or Without You U2
16 Summer Of '69 Bryan Adams
17 Money for Nothing Dire Straits
18 Stairway to Heaven Led Zepellin
19 Sei te de cor Paulo Gonzo
20 November Rain Guns 'n' Roses
21 angels Robbie Williams
22 Purple Rain Prince
23 Sunday Bloody Sunday U2
24 Shine On You Crazy Diamond Pink Floyd
25 Livin on a prayer Bon Jovi
26 Like a Prayer Madonna
27 I only ask of God Outlandish
28 Still Loving You Scorpions
29 Barcelona Freddie Mercury
30 Who Want's To Live Forever Queen

E isto continua...

PS: não preciso de fazer nenhuma piada ou comentário pseudo-humoristico, pois não?

22 Comments:

Blogger FM said...

Devias era ter passado uma manhã inteira numa sala de operações com um cirurgião que só ouvia RFM e chegou a trautear a "back to you" do Bryan Adams!Mas até é uma boa lista de acordo com os critérios dessa rádio. Pelo menos foram honestos. Não são como os jornalistas do público que elegeram o amassakoul dos tinariwen como um dos melhores do ano. Não é que seja mau, mas gostava de saber qts vezes é q esses jornalistas ouviram o álbum durante o ano. E metade da lista até se safa. Admito que, com uns copos em cima, já meneei a anca em algumas discotecas por país fora, ao som de algumas destas pérolas :)

12:20 da manhã  
Blogger samgs said...

Claro que é uma lista de acordo com os critérios da RFM. E claro que há aqui clássicos, mas mesmo esses são na sua maioria clássicos balofos, daqueles que, apesar de alguma qualidade, já irritam o timpano direito ao primeiro acorde de guitarra (ou, pior, de sintetizador!!!). Mas é comicamente absurdo ver numa lista de melhores músicas de sempre aberrações como aquela "coisa" do André Sardet, a ex-Spice Girl feia, a música do Titanic e outros demais... lamento, mas adequada ou não, aqui impera o mau-gosto ou, no minimo, o gosto preguiçoso, do ouvinte que ouve o que lhe á dado e não procura nada...

E olha que cenas como os Tinariwen e o Ali Farka Toure são bem boas... ou isso ou estou a tornar-me um pseudo-critico-intelectual da música... mas pelo sim, pelo não, vai lá sacar isso do Soulseek e do Emule e vê como até é bom...

12:33 da manhã  
Blogger FM said...

Eu já saquei isso do e-mule (espero que n andem bufos por aki). Akilo é bom sim senhor, mas porra, n acredito q os jornalistas do público tenham ouvido mt o álbum. Axo q kiseram mm armar-se em pseudo-intelectuais da música :)
E aqui confesso: Quando tinha +-13 anos sabia a "summer of '69" de cor e era uma das minhas músicas de eleição para cantar no duche. Será que tenho perdão? Mesmo que a seguir revele que por volta dos meus 13 anos comprei o "crossroads" dos bon jovi em k7?
Vá, mas já passou. Fui corajoso. Ao nível de um morais sarmento quando confessou ter sido toxicodependente.

12:49 da manhã  
Blogger MA said...

enquanto uns compravam o crossroads em k7 o belo do mario pseudo intelectualoide critico de musica ia à bela da loja Vitrola em setubal trocar o crossroads pelo versus.
ele há coisas!

2:55 da tarde  
Blogger FM said...

Deixa-te de tretas! Isso já eras + velho. Com 13 anos ainda devias andar a ouvir queijinhos frescos, ministars e coisa e tal :)

3:01 da tarde  
Blogger A said...

que vergonha... há coisas que devias manter escondidas.

isto de escolher as melhores músicas de sempre, é algo complicado de se fazer sem que se receba criticas. apesar de concordar que a lista da rfm peca por uma populismo e mau gosto desnecessário, o contrário também se pode apontar às 500 melhores músicas da lista da rolling stone, que pecam por se restringir demasiado a músicas (ainda que muito boas) dos anos 60 70.

http://www.rollingstone.com/news/coverstory/500songs
http://www.rollingstone.com/news/story/5938174/the_rs_500_greatest_albums_of_all_time/

3:15 da tarde  
Blogger A said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

3:24 da tarde  
Blogger A said...

já que estamos numa de catarse. eu com 11 ouvia marco paulo e beatles (o marco paulo era para agradar à minha mãe, os beatles continuam a ser muito bons)

3:26 da tarde  
Blogger FM said...

Eu quero ver é o que vão dizer quando a Uma Thurman aparecer toda mocada num dos próximos filmes do Tarantino a dançar ao som de "Someday I´ll be Saturday night" dos Bon Jovi. Aposto que antigamente também pensavam que o Neil Diamond e os Urge Overkill eram pirosos e agora acham "cool" a "Girl, you´ll be a woman soon". Ou que adoram bambolear-se ao som da "Don´t let me be misunderstood" dos Santa Esmeralda, depois de ter sido tão bem repescada para o Kill Bill :)
Mas como nada disto vai acontecer, o melhor é eu meter a viola no saco, procurar a k7 dos Bon Jovi e viajar até ao deserto mais próximo para a enterrar e eliminar todas as provas da sua existência :)

3:39 da tarde  
Blogger A said...

como podes ver pelo meu comentário anterior, eu sou facilmente persuadido por figuras de autoridade. o quentin tarantino, tal como a minha mãe, podem fazer com que goste do que quer seja. :)

4:17 da tarde  
Blogger samgs said...

Eh pá... eu devo mesmo ser um pseudo-critico intelectualoide. Não é que eu aos 10 anos tinha como músico preferido ou o Dylan ou o Neil Young ou os Led Zeppelin ou os Doors... claro que o mérito não é, de todo, meu: o meu pai é, também ele, um apreciador de boa música (que ainda hoje me acompanha a muitos concertos e festivais!) e desde cedo me "obrigou" a ouvir alguns dos melhores álbuns da história... de tal forma que estes ficaram impressos na minha memória, moldando o meu "gosto" por estas coisas da música. E é engraçado lembrar-me, por exemplo, de ter eu uns 7 anitos e do meu pai pegar no vinil "The Doors", colocá-lo a rodar no gira-discos e perguntar-me "Quem são estes?" ao que eu invariavelmente respondia "não sei", explicando-me ele de seguida quem era a banda em questão e muito do folclore à volta do mito Jim Morrison... à custa desta brincadeira não só reconheço hoje a voz e sinais particulares de certos músicos/instrumentistas, como sei o nome de todos os elementos de uma boa maioria das bandas dos anos 60/70 que ficaram para a história e as datas de edição de alguns destes álbuns!! Chama-se a isto educação!! Os meus filhos também vão ser assim educados!! O meu irmão de 2 anos e meio já caminha para lá... está sempre a pedir para eu por cd's dos "Lolling Stonis"! Vai safar-se o puto!!

4:51 da tarde  
Blogger samgs said...

Ah... e o Tarantino é Deus... Se ele diz que algo é "cool" então é porque é mesmo. Tirando o Neil Diamond!! Há uma história desse senhor no backstage do último concerto dos The Band (Last Waltz). Ele acaba a sua musiquinha, sai do palco e encontra o Bob Dylan que ia tocar a seguir... sai-se com esta "Achas que consegues fazer melhor do que eu?" ripostando o "máior": "Melhor? Queres que ponha as pessoas mesmo a dormir, é isso?".

Acho que comprava um cd do Dylan só quem estes comentários sarcásticos... os excertos de entrevistas no "No Direction Home" são absolutamente geniais. A melhor parte do filme!!

4:56 da tarde  
Blogger FM said...

Não descures também parte duma educação feita à base de onda choc, mini-stars, jacksons 5 e da pequenita maria armanda. O "kitsch" deve ser aprendido desde tenra idade. Também faz parte da vida e é inspiração para muitos posts deste blog :)

5:02 da tarde  
Blogger samgs said...

Claro que sim... mas há uma diferença entre o "kitsch" e o abertamente "parolo"! :P Se bem que ténue... e muitas vezes ditada apenas por um qualquer icone ou uma qualquer moda... ;)

5:13 da tarde  
Blogger FM said...

Atenção, a diferença existe! Digamos que um "dálmata de porcelana" à entrada de uma casa é "kitsch" e "parolo". O quadro do "Menino que chora" ou o "galo de barcelos" são apenas parolos :)
Não sei se isto será bem assim, mas acho que me percebes

5:18 da tarde  
Blogger samgs said...

José Cid é kitsch e parolo... Marco Paulo é só parolo :)

5:26 da tarde  
Blogger MA said...

Para acabar a com a discussão fiquemos antes assim: o cabelo do moreira é kitsch e o josé Cid é fixe!

E o Freitas que se lixe!

6:47 da tarde  
Blogger FM said...

Vá lá! Pelo menos n é parolo!

6:50 da tarde  
Blogger guedes said...

vala vala!!!
Nao ter apsrecido nenhuma do ff ou dos dzrt ainda foi uma sorte!!!
Aposto k noutras radios portuguesas o top de sempre continha musicas destas duas bandas!!!

5:14 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

"André Sardet" Devem xtar a brinkar c/ ixto...

4º lugar... Inacreditável..................................................................................................................................................................................................................................????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

12:55 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Falta a musica san francisco

11:22 da manhã  
Blogger goncalo.couto said...

que nojo andre sardet

2:55 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home


Site Counter Hit Counter