domingo, novembro 27, 2005

"This is our last goodbye"


Não se alarmem os milhares de visitantes :). Sou só eu que deixo de participar. O blog continua.

sábado, novembro 26, 2005

Brave new world

Agora que já fui quatro vezes ao Dolce Vita, acho que me posso manifestar em relação a essa catedral. Vou dar o meu parecer. Sempre que possível, estabelecerei um paralelismo com o CoimbraShopping, a fim de avaliar se o Dolce Vita trouxe ou não progresso à cidade.
Das primeiras duas vezes que lá fui não me aventurei no parque automóvel subterrâneo. Nunca me consigo recordar se estacionei no “A”, no “B” ou no “C”. E se por acaso me recordo em que letra estacionei, já é de mais lembrar-me se era o “A” cor-de-rosa, o azul ou o vermelho (ou encarnado para as tias de Cascais). No entanto, na minha terceira incursão ao centro comercial, tive que visitar o subterrâneo. É verdade que o Serra me acompanhava e isso encorajou-me. Pensei que se ele decorasse a letra, eu decoraria a cor e seria tudo muito mais fácil. Mas, evidentemente, perdemo-nos aquando do regresso ao carro. Mas a principal razão por que estacionei no subterrâneo foi para ver quantos lugares de estacionamento tinham sido reservados para os deficientes. Pareceu-me que são em número suficiente, talvez até de mais. Julguei que, com tantos lugares destinados para esse fim, o Dolce Vita estivesse a pensar candidatar-se aos próximos jogos Paralímpicos.
De seguida, ultrapassei a porta que separa o estacionamento do interior do “shopping”. Não deixei de notar que no cimo dessa porta há uma ventoínha irritante que nos despenteia. Tive imediatamente o desejo de voltar para trás, mas tinha uma vistoria a fazer.
Fui à Bertrand e pareceu-me bem. Tem mais revistas “Maria” e “Ana mais atrevida” do que qualquer outro quiosque da baixa, ou até do que a própria “Yellow´s” do CoimbraShopping. Só depois é que o Serra me chamou a atenção para o facto de que é suposto a merda de uma livraria vender livros, nem que seja o “Código Da Vinci”. Bem visto!
Em relação à "Foot Locker"; Bem, pareceu-me que o slogan da "Foot Locker" deve ser algo do género: “Se encontrar aqui umas sapatilhas giras, são suas!”. Não há mais nada a dizer.
Durante todo o percurso, fui reparando nas empregadas de balcão de todas as lojas. Não me pareceu que fossem superiores às do CoimbraShopping. É mais do mesmo. Mas mais nunca é demais.
Quanto ao Jumbo; Bem, visitei logo o supermercado da primeira vez que fui ao Dolce Vita. Estavam a festejar uma data qualquer e havia bolo e champanhe à borla. Evidentemente, aproveitei e pensei “Vou embebedar-me já aqui. Para quê ir depois ao Pinto”. Mas, tanto o bolo como o champanhe eram tão maus que decidi sair dali imediatamente e ir comprar o “roll on” para passar no sovaco a outra banda.
Relativamente à restauração: o “Burger King” bate aos pontos o “MacDonald´s”. Neste particular o Dolce Vita ganhou à concorrência
Falando agora das lojas de discos. Não há nenhuma de referência no Dolce Vita. Soube há dias que a “Loja da Música” do CoimbraShopping também fechou. Não me surpreende e percebo o insucesso dos grandes retalhistas desta área no que toca a afirmarem-se na nossa cidade. É difícil competir com a “Dar-te Música” do centro comercial “Golden”. O seu dono, qual irredutível gaulês, montou uma estratégia tenaz que desmotiva até as grandes empresas como a “FNAC” de investirem em Coimbra.
Que mais me apraz dizer? Talvez que, achei sinistro o 3.º andar do centro comercial. Paredes meias com a restauração há umas portas, penso que 7 ou 8, por onde se veêm entrar aglomerados de pessoas carregando pipocas e coca-cola. Passando essas portas, chegam a salas enormes, tipo anfiteatros, salas essas onde se demoram a deglutir as pipocas e a fazerem “shrusssuushh” com a palhinha e a coca-cola. Aquilo até é engraçado. Há uns que depois arrotam e outros que com a unhaca tentam retirar um ou outro pedaço mais teimoso de pipoca que se alojou entre os dentes. É verdade, numa das paredes dessas salas há um ecrã onde são projectadas imagens sem nexo. À saída, muitas pessoas queixam-se de que foram ao cinema, mas levam para casa um bilhete em papel, que nem para coleccionar serve. Pois, isso é o talão das pipocas e da coca-cola. O cinema é só um pretexto.
Logo ali ao virar da esquina há umas casas de banho. Ao que me pareceu, são melhores que as do “CoimbraShopping”. Pelo menos, o autoclismo (aquilo é um sistema quase de sucção) é o último grito. Temi é que houvesse um tempo limite para realizar a “tarefa”, findo o qual o autoclismo automaticamente se accionaria. Mas afinal não. Isso só acontece nas torneiras dos lavatórios. É verdade, se não deitaram fora o bilhete do cinema, esta é a altura certa para o aproveitarem, é que costuma faltar o papel.

Não podia ter sido pior

O Samuel perdeu o cartão do telemóvel. Ficou sem contactos. Desejo-lhe boa sorte para a árdua tarefa de tentar refazer a sua vida do zero.

sexta-feira, novembro 25, 2005

Jogo: encontrem as bandas escondidas!!

Neste brilhante anúncio estão representadas diversas bandas do panorama musical internacional!!

Descubram-nas...

quarta-feira, novembro 23, 2005

Cacifos



Ontem, tive mais uma profícua conversa com o meu amigo Baião. A dada altura falámos de cacifos. Eu disse-lhe "pois é, no meu curso cada aluno tem direito a um cacifo. Tenho o meu, mas está muito tristonho, gostava de personalizá-lo". O Baião não se conteve "O quê!!! Tu tens um cacifo?!?! Ainda não colaste um poster duma gaja nua na parte de dentro da porta? Estás à espera de quê?".
Realmente, senti-me um predestinado (um "special one"), com o poder de concretizar aquele que é o sonho de todos os homens. Só não temos posters de gajas nuas nas paredes dos quartos porque as nossas mães costumam entrar lá! Agora, o cacifo é um lugar sagrado, quase inviolável, é o equivalente aos diários ridículos que as miúdas escrevem enquanto são novas. Tinha mesmo que avançar. Tal ideia já me passou pela cabeça milhentas vezes, mas nunca tive coragem de a pôr em prática. No fundo, sempre apreciei os calendários «Pirelli» pendurados nas paredes das oficinas. É por isso que, nós homens, quando somos novos, temos aquela fase em que queremos ser mecânicos (e também porque os carros têm banco de trás). No meu entender, qualquer calendário que tenha uma mulher nua e diga "José Silva - Reparação de radiadores. 2006. Janeiro" é pura arte (arte "kitsch", mas ainda assim arte). Coloco-o ao nível de um cão de louça da cerâmica das Caldas, de um galo de Barcelos, de uma "Campbell´s tomato soup" do Andy Warhol. E é nisso que eu quero que a minha vida se transforme: num eterno dia-a-dia "kitsch", foleiro mas com estilo (ao jeito do "cool" do Tarantino).
Lembro-me de, em tenra idade, ver séries americanas como o Beverly Hills e o Parker Lewis e invejar aqueles tipos por terem um cacifo. Podiam ir ao cacifo todos os intervalos pentear-se, ver-se ao espelho, dar uma mirada à Sharon Stone, guardar a roupa suja da educação física de uma semana para a outra, esconderem lá droga e andarem permanentemente em sobressalto com o risco de serem descobertos e suspensos. E havia também a probabilidade da brasa da escola ter o cacifo mesmo ao lado do nosso. Enfim, o cacifo abre toda uma nova perspectiva de vida.
E aqui estou eu. Aos 23 anos tenho direito a um cacifo (só meu) e estou armado em menino, com problemas de colar um poster da Isabel Figueira em lingerie Triumph!
Portanto, ontem, quando me fui deitar, estava já decidido a seguir o conselho do Baião. A minha dúvida era só uma: colo a Isabel Figueira ou a Merche Romero (ou encho-me ainda mais de coragem e colo as páginas centrais da revista "Gina"?).
No entanto, hoje de manhã, e antes de realizar o meu desejo de criança, resolvi conferenciar com alguns colegas de curso. Disse-lhes o que pensava fazer. Enquanto lhes dava a saber o meu plano, fui imediatamente mandado calar. Disseram-me "Tu estás doido! Já viste se alguém descobre? Já viste se algum professor sabe disso?". Armei-me em Baião e respondi "Se algum professor sabe disso passa a vir ao meu cacifo todos os dias e sobe-me a nota. E inscrevo-os na mailing list do Baião para começar a receber, de imediato, umas coisas engraçadas. Pensam que os profs são algumas bichonas como vocês?
O que é certo, é que acabei por não colar o poster. Não sei se terei forças. Será que se alguém descobre serei expulso e não acabarei o curso? Será que passam a olhar-me como um tarado sexual que, Verão após Verão, se esconde atrás das dunas, munido com os binóculos, durante toda a santa tarde? Não será lícito que eu satisfaça um dos meus sonhos de criança?
No fundo, é só uma miúda em trajes menores na parte de dentro da porta do meu cacifo. É disso que se trata.

terça-feira, novembro 22, 2005

Os 10 trabalhos de Koeman!

Depois de descobrir que até podia construir com o actual plantel do Benfica uma equipa jeitosa e competitiva, Koeman concentrou-se num conjunto de objectivos que prometem fazer as delicias dos adeptos de futebol (principalmente se forem do Sporting e do Porto), a saber:

- conseguir encaixar todos os centrais do plantel no onze inicial;
- conseguir jogar 90 minutos com Beto a titular!;
- conseguir ler o jogo pior do que um ceguinho a ver o Glorioso (?) do saudoso terceiro anel;
- conseguir construir o pior onze possivel com o actual plantel do Benfica;
- jogar com 11 defesas;
- jogar com 11 jogadores em posições pouco habituais para eles (a tentativa de jogar com Quim a ponta-de-lança, Miccoli a central, Nelson a guarda-redes e Beto a apanha bolas está para breve...);
- conseguir levar bailes de futebol jogo após jogo e não ver um único lenço branco;
- conseguir não fazer uma única substituição durante o jogo todo;
- conseguir que o Simão e o Miccoli, com agravementos sucessivos das suas lesões, não joguem mais até ao final da época (assim pode ser que o Liverpool não queira o Simão e a Juventus ofereça o rato micolli);
- conseguir aguentar-se uma época inteira (quiçá duas) como treinador principal do Benfica dando cabo da equipa jornada após jornada;

Apesar da dimensão hercúlea destas tarefas, o valoroso herói da nação benfiquista não desiste, tendo já conseguido atingir os três primeiros objectivos a que se propôs, sendo actualmente aclamado pela populaça.

Viva o Koeman! Obrigado por trazeres um pouco de animação às minhas vivências futebolisticas... estava a começar a ficar farto de ver o Benfica ganhar jogos (até já tinhamos ganho nas Antas, vejam lá bem tamanha desfaçatez!) e ser elogiado pelos "comentaristas profissionais de futebol"...

Reforço do Sporting é uma farsa...

Foi descoberta mais uma bronca no futebol português!!!
O repórter do devaneios de gozoes andou a pesquisar no cm sobre o mais recente reforço do Sporting, de seu nome Filipe Moreira !Ao não encontrar nada na maior base de jogadores do mundo,o nosso repórter foi mais longe e falou com o empresário do dito jogador que nos contou como conseguiu colocar FM no Sporting!
“Eu liguei po Paulo Bento,finjindo ser o Joao Guedes e dei indicações do meu primo (FM) como sendo 1 miudo com um futuro bastante promissor a sua frente...ele aceitou de imediato te-lo a experiencia e assinou o referido contrato promessa".
Como o empresario de Filipe Moreira apenas aceitou ter esta conversa off-record,nada disto pôde ser revelado...no entanto,sempre na busca da verdade,o nosso reporter foi assistir ao vivo a 1 jogo exibiçao que se realiza todas as 2as feiras em pé de cão!!!
A conclusão retirada é que Filipe Moreira nunca jogou futebol na vida, mais parecendo que ta a jogar futebol em cima de gelo,para ja nao falar dos seus remates de rugby!
Mas o melhor aconteceu quando perto do intervalo,na tentativa falhada de jogar de calcanhar,FM lesionou-se de uma maneira que eu nunca tinha visto na ja minha longa e preenchida carreira!!!Ele consegiu ficar com o tendão do dedão do seu pé direito preso,de tal modo que não o conseguia mexer!!!Em declarações exclusivas para o DG,Fm disse-nos "Ah,isto ja aconteceu várias vezes.Agr é so puxar para cima que isto vem ja ao sitio"!!!

Para finalizar,de referir que o resultado dessa partida foi de 9-9,ao passo que na semana seguinte,contra o mesmo adversario mas com Fm ausente,o resultado saldou-se num impensavel 11-2!!!

Ali Dia e o treinador que esteve no Glorioso...

Corria o ano de 1996,quando um simples telefonema mudou a vida de Ali Dia!!!
Dia era 1 Zé ninguem de 30 anos,um desconhecido de todo o futebolês mundial...certo dia porém,Dia convenceu o seu empresário a telefonar ao manager do southampton,na altura graeme souness,que se fez passar por george weah (futebolista mundial do ano para a Fifa),recomendando o "seu primo" (Ali Dia) como o próximo grande jogador do mundo!!!"George weah",utilizou ainda argumentos como o facto de Dia ter 13 internacionalizações pelo Senegal e de ja ter jogado no PSG!
Sem perder tempo,e com medo de perder 1 diamante em estado bruto,souness assinou de imediato 1 contrato de 1 mes!!!
Souness tencionava ver as capacidades de Dia num jogo das reservas do Southampton contra o Arsenal,mas mais uma vez,os Deuses do futebol não estiveram com Souness e o jogo foi adiado devido as condições climatéricas!
Ali Dia entretanto encheu a imprensa relatando as suas credenciais,usando frases como "sinto que estou com bastante ritmo e que sei driblar bem.Finalmente vou poder mostrar as minhas capacidades ao treinador e quem sabe obter um lugar na equipa"!
Souness mais uma vez mordeu o isco,e sem nunca ter visto Dia chutar numa bola,nao se coibiu de o colocar Dia no banco dos suplentes no jogo seguinte da premier league contra o Leeds,no dia 21 de novembro de 1996.Mas o impensável aconteceu depois...a grande estrela da equipa Matthew Le Tissier,lesionou-se aos 32 minutos e souness resolveu colocar a sua nova estrela em campo!
Depois de 1 unico minuto em campo,toda a assistencia tentava nao acreditar no que estava a ver assobiando Dia pois este,pura e simplesmente,nao era 1 jogador de futebol!!!Dia no entanto aguentou-se ate aos 82 minutos em campo,altura em que finalmente Souness deu o braço a torcer e percebeu a armadilha em que tinha caido!
Ali Dia viu o seu contrato terminado apenas uma semana depois de o ter assinado e ainda tentou a sorte no Gateshead, das divisões inferiores inglesas,sem o minimo sucesso!!!
E são estes os treinadores que o Glorioso vai contratar...grande Vale e Azevedo!

domingo, novembro 20, 2005

The Wage na 1.ª parte de Village People

Os The Wage abriram as hostilidades, na noite de sábado, no pavilhão atlântico. Deram um concerto totalmente abichanado, ao ponto de algumas pessoas se terem interrogado se não seriam já os Village People que estariam a actuar. Os covers de The Cure, Pixies, entre outros, não se fizeram ouvir, dando lugar, desta feita, a covers de Righteous Brothers, Abba ("Fernando" foi o ponto alto da noite), Diana Ross e Bee Gees.
Nas filas da frente, foi notória a presença de numerosos grupos de motoqueiros. No entanto, não consegui apurar se seriam pessoas que assim se mascararam em homenagem a um dos elementos dos Village People, ou se seriam fãs dos The Wage, já que a banda dá inúmeros concertos, durante o Verão, em concentrações de motards de norte a sul do país. Não me admiraria nada que assim fosse, já que um desses sujeitos levantava bem alto um cartaz que dizia "os Village People que se fodam. Samuel, toca «aquela» música só para mim".

Lei da Concordia Marital ( 2ª Parte)

Apos inumeros pedidos por parte de elementos do sexo feminino, deixo aqui a continuaçao da brilhante lei Moçambicana que vem acertar as relaçoes entre homens e mulheres, porque como eles dizem:"tratamento igual ao que e igual e desigual ao que e desigual"!
Art.7º) Fica assegurado à mulher o direito de assistir os programas "Note e Anote", "Cozinha Maravilhosa", teatros, filmes e novelas que nao apresentem cenas de ficçao onde mulheres parecem ser inteligentes, independentes ou capazes.
a) Ficam terminantemente proibidas novelas em que a mulher e infiel ao seu sempre dedicado e provedor marido. E ainda expressamente proibido, a mulher assistir a qualquer programa que fale de igualdade de direitos, por ser materia atentoria ao direito natural e o estado normal das coisas.
b) Apos as brigas e desentendimentos, fica o marido obrigado a adquirir e presentear sua mulher com um novo pano de mesa, uma caixa de grampos, uma capulana, um jogo de prendedores de roupa e uma vassora nova.
Art.8) Para preservar a tranquilidade do lar, a esposa fica proibida de ter ataques histericos, crises de frescura ou quaisquer outros sintomas esquizofrenicos. Fica igualmente proibido gritar durante as surras que deverao ser aplicadas regularmente com a finalidade de manter a esposa na linha e cumpridora dos presentes artigos.
a) Devera ser construido um abrigo onde a mulher podera ter os seus ataques e para onde se deve recolher quando lhe aparecer o periodo.
b) Nos dias em que a mulher estiver normal, o abrigo de que trata o paragrafo anterior, podera servir de casa do cachorro.
Art.9) Dada a sua condiçao de macho e predador e tomando em consideraçao que a providencia dotou a humanidade de poucos homens e licito que cada homem possa ter uma mulher oficial, duas companheiras e tres concubinas, na area onde habita.
a) Para os homens por imperativos de varia ordem, deslocam-se frequentemente. podem tambem possuir duas companheiras por cada ponto onde passem.
b) Nenhuma mulher pode pedir o divorcio se o seu amado marido ultrapassar os limites de companheiras para cada situaçao descrita no presente artigo, antes da terceira vez que tal se suceda.
Art.10) Fica estabelecido que todo o marido devera explicar a presente Lei as suas mulheres, companheiras, amigas e afins, com palavras simples que nao as obriguem a pensar uma vez que estas possuem menos 4 bilioes de neuronios que os homens, o que impossiblita de entenderem qualquer coisa que acontece fora de suas aconchegantes casinhas.
Art.11) Esta emenda constitucional entra imediatamente em vigor na data da sua publicaçao, revogando-se expressamente os artigos 66º e 67º da Constituiçao da Republica, no que concerne a igualdade entre o "bicho" mulher e o homem.
Como veem os nossos amigos moçambicanos têm excelentes ideias e nao sao hipocritas, porquê dar tramento igual ao que nao o é? Temos que levar em consideraçao que homens e mulheres tem naturezas e necessidades diferentes, e adoptar estas ideias geniais, pelo menos os artigos 1º,2º, 8º e 9º, acho que nao seria pedir muito e iria sem duvida melhorar as relaçoes entre os casais portugueses.

quinta-feira, novembro 17, 2005

Portugal: free nipple country





















Escrevo este "post" com a intenção de me dirigir e combater veementemente todos os que dizem mal do nosso país. Provamos ser um país de mente muito mais aberta do que, por exemplo, uns Estados Unidos da América, que se dizem a nação mais evoluída do mundo. Pois bem, é conhecida a celeuma em torno do facto de Janet Jackson ter mostrado o seu seio desnudo, ainda que com o mamilo devidamente encoberto, no intervalo da final do Superbowl. Em Portugal, Pimpinha fez o mesmo e o acontecimento quase não foi digno de registo. (E até tinha dado jeito que o caso tivesse sido mais reportado, pois assim teria arranjado esta bela foto artística da muito bem conseguida descendente de Cinha Jardim há muito mais tempo). E Pimpinha até se esforçou mais do que a sua congénere norte-americana, envergando mesmo um sorriso nos lábios que parece querer dizer "o kunami fresquinho é para se ver! Aquela Janet é uma bimba."
Está também provado que nenhum jovem português precisa de se internacionalizar e tentar a sorte no estrangeiro. O nosso campeonato é por demais competitivo e com elevados níveis exibicionais. Desculpem lá, mas acho que a Pimpinha dá de 10 à Janet Jackson, assim como qualquer portuguesa dá baile a uma bifa, veja ela de onde vier.

Reforço do Sporting

Filipe Moreira é o mais recente reforço do Sporting Clube de Portugal. Será apresentado aos sócios apenas em Janeiro, mas o repórter do Devaneios de Gozões cruzou-se com o jogador na estação de camionagem de Arco do Cego, aquando da vinda do atleta a Lisboa para assinar um contrato-promessa. Filipe Moreira definiu-se do seguinte modo como jogador: "Sou como o Patrick Vieira, mas com a pila mais pequena."

Chelsea define jogadores-modelo

Petr Cech


John Terry

Frank Lampard


Didier Drogba

Barcelona define jogadores-modelo

Rui Nereu
Baltemar Brito


João Miranda ("Chicabala")

terça-feira, novembro 15, 2005

Só para homens II...

Ja que não acreditaram na primeira amostra,aqui fica a segunda pa demonstrar quem continua a ser o vosso campeão...:)






Isto é o chamado teste de fogo realizado por todos os membros da tertulia e que consiste em beber (nao de penalty mas quase sem parar) daquela colherzita,todo o seu conteudo...de referir que a colherzita leva apenas 1,5 litros!a bebida pode ser qualquer uma desde que seja alcoolica!ha algum desafiador!?
Inda gostava d ver esse menino com a mascara na cara a beber isto...:)

domingo, novembro 13, 2005

Na Última Ceia também esteve um português


Na sequência das minhas pesquisas, posso assegurar que na Última Ceia estiveram presentes não 13, mas sim 14 indivíduos. O mundo nunca mais será o mesmo. De hoje em diante as pessoas passarão a dizer "estamos 14 sentados à mesa, vem aí qualquer coisa aziaga".
Pois bem, descobri que essa 14.ª pessoa era, evidentemente, um cidadão português, à data emigrante no Médio Oriente. Ora, mais não fez do que entrar à penetra na Última Ceia e saciar-se. Segundo alguns testemunhos, ainda terá pensado ficar para a foto de família, mas receou que, daí a muitos anos, viesse um qualquer Leonardo Da Vinci retratar a cena, pintando-o com trejeitos de Mona Lisa, interrogando-se as pessoas, daí em diante, se aquele transmontano não seria, afinal de contas, uma transmontana.

Adão era português


É sobejamente conhecido que, mesmo que um país se chame Wallis e Futuna, ou haja uma corrida de 10.000m para caracóis paraolímpicos, está lá um português batido. Todos os nativos deste cantinho à beira-mar nascem um bocadinho à semelhança do "emplastro", sendo este personagem o expoente máximo do português-que-está-em-todo-o-lado. Em todo o mundo, o português é conhecido por "Makélélé". Tivémos os Descobrimentos, um papa, um cozinheiro na Casa Branca, o Dimas na Juventus e o Secretário no Real Madrid, um cônsul que livrou dezenas de judeus dos nazis, um presidente da Comissão Europeia e até conseguimos que os "gentleman" ingleses se enervassem e nos fizessem um ultimato (essas grandes bichonas), enfim... fizémo-nos representar ao mais alto nível, nos mais diversos quadrantes histórico-sociais.
Como se não bastasse, foram agora descobertas provas que indicam que Adão era português. Na semana passada, em Cabanas de Viriato, foi descoberto um papiro escrito pelo punho deste ilustre personagem bíblico, papiro esse que se encontrava enterrado no quintal da agora suposta cabana que poderá muito bem ter sido a última morada deste ilustre português, após ter abandonado o Paraíso.
Neste documento de cerca de uma página, Adão põe a nú toda a verdade, admitindo que "ao ler a tabuleta que dizia «Jardim do Éden», resolvi entrar. Pensei que fosse um bar e que Deus já tivesse tido tempo para inventar as bebidas. Quando entrei vi que não era um bar, mas estava lá uma mulher. Mas desta vez não pensei nada". Adiantou ainda que "aquela semana passada com a Eva até foi porreira, pelo menos até 4.ª feira. Só depois é que veio o pior. Aquilo só tinha uma árvore, uma serpente e uma maçã que ainda por cima não podia ser comida. Ainda me aguentei até sábado, a ver se pelo menos aquela folha com que a Eva se tapava caía. Mas percebi que isso só devia acontecer lá para o Outono, que ainda vinha longe, e a Eva também não era nada de especial. Fartei-me daquilo. Disse-lhe «Eva, não gosto de ti. Acho que jamais se passará alguma coisa entre nós, nem que fôssemos os dois únicos seres à face da Terra». Ela respondeu-me «não sei se já te apercebeste, mas somos os dois únicos seres à face da Terra. Eu ripostei «vês, lá estás tu com a mania que sabes tudo!». Fui-me embora."

O precoce Baião aos 4 anos de idade

"Girl, you´ll be a shopaholic soon"

Ninguém pára o Benfica (daqui a 20 anos)!


O glorioso não pára de nos surpreender. Na semana passada, definiu o seu conceito de "jogadores-modelo". Assim, no centro de estágio do Seixal, a ser inaugurado em Fevereiro de 2006, será posto em prática um eficientíssimo plano que formará os craques do futebol mundial do futuro. E serão todos do Benfica, qual equipa de galácticos!
Imagino já os árduos treinos físico e mental, ministrados por Fernando "Bigode" Chalana e restante equipa técnica das camadas jovens, a que serão sujeitos os petizes do Benfica. Entre Chalana e um qualquer petiz de Chelas que começa a dar os primeiros toques na bola vão poder escutar-se diálogos do género: "You´ll never be Thierry Henry!". "Yes, I will!"

Natal "kitsch" é no Devaneios de Gozões

O espírito natalício já anda à solta e o pai natal prepara-se para trabalhar o seu mezito no ano (qual funcionário público português!). Embora aqui neste blog quase todos festejemos o "Festivus" há alguns anos, não podemos, no entanto, deixar passar o Natal em branco e, principalmente, a febre consumista de que este se reveste.
Como tal, aqui ficam algumas sugestões de presentes a oferecer nesta quadra natalícia.

Esta bela peúga não precisa de descrição. É um clássico! Está disponível em vários tamanhos.

Caneca "Pai Natal". Fabricada na "Cerâmica das Caldas".

Patinho de borracha vulgar ao qual foram adicionados uma bengala e um gorro vermelho e branco com a finalidade de poder ser transaccionado no Natal, ajudando assim a escoar o "stock". Ah, é aprovado pela União Europeia (os putos morrem na mesma se o enfiarem na garganta e, de tanto o morderem, a saliva corrói-o e liberta produtos cancerígenos, mas tem a marca CE).

Poster de parede "Jesus saves", em papel crouché, formato 90x60.

Cinderella Man

Fui a um bailarico no sábado. Dancei toda a noite com uma miúda que era um espectáculo! Mas, à meia-noite, ela abandonou-me e fugiu apressadamente. Deixou, no entanto, um sapato para trás. Alguém me pode ajudar a decifrar a identidade da dama?


À venda na próxima 4.ª feira

sexta-feira, novembro 11, 2005

Guedes, és um garoto


Beber cerveja por palhinha é pós meninos. Isto sim é complicado!

Isto é para o Piri!

Diz-se por aí que o pessoal que aguenta mais de 30s neste jogo é um fenómeno... e que o pessoal que aguenta mais de 2 minutos é da Força Aérea!! Piri, estamos à tua espera...

http://inominavel.no.sapo.pt/blocos.htm

O gozão dos gozões

Um professor da minha faculdade diz que perdeu o prémio nobel da medicina por... 5 minutos. Durante anos a fio, contou sempre esta história aos caloiros. Segundo ele, certo dia estava a participar num congresso onde iria apresentar a sua descoberta: os rogeriões (ele apelidou assim umas ligações que unem umas células em homenagem ao seu nome - Rogério). Acontece que, segundo o próprio, durante esse congresso ausentou-se do anfiteatro, durante 5 minutos, para ir à casa-de-banho. Agora vejam só! Enquanto o pobre homem foi mudar a água às azeitonas, para azar dos azares, neste curto espaço de tempo um cientista americano apresentou a mesma descoberta chamando-lhe, no entanto, "tight-junctions".
Isto é no mínimo surrealista, mas esse meu professor acredita piamente nisto, e relatou o sucedido durante anos a fio a todos os seus alunos e demais pessoas com quem se cruzou. E são tipos perturbados como este que tenho que aturar todos os dias. Mentirosos compulsivos que se acham dignos de um prémio nobel.

Só para homens I...

Convido todos os garótos deste blog a irem a esta página e verem como realmente se faz...e aceito desafiadores!!!Como diria o saudoso Tarzan Taborda,pago 1000 contos a quem me conseguir bater no ringue de combate (neste caso,no tasco mais proximo)!!!


Só para homens

segunda-feira, novembro 07, 2005

Concordam?

O futuro está negro para o negócio do Ricardo...

Lei da concordia marital...

Quem disse que moçambique era um pais atrasado?!Eles podem ser pobres mas a sua visao da sociedade e da familia ta anos de luz a frente da nossa...Hoje deixo-vos os primeiros 6 artigos da lei nº 17 de 2001, aprovada pela assembleia da republica de moçambique:
Havendo necessidade de harmonizar o quadro normativo vigente em materia de familia, aos usos e costumes de Moçambique, em busca de uma maior coesao entre os casais, de modo a tornar a sociedade moçambicana, exemplo de convivencia pacifica e sã na questao do genero, o plenario da Assembleia da Republica, salvaguardando o principio sacrossanto de igualdade consubstanciado na maxima "tratamento igual ao que e igual e desigual ao que e desigual ", no uso das suas prerrogativas conferidas pelos artigos 133º, 135º, alinea e); da Constituiçao da Republica de 1990, aprovou a presente lei por unanimidade e aclamaçao.
Art. 1º) Todo o homem e um rei em seu lar e seus desejos sao uma ordem.
a) Compete as esposas, companheiras, noivas, namoradas e afins a satisfaçao, sem reclamaçao, das vontades dos seus respectivos homens.
b)Na ausencia das servis citadas no paragrafo anterior, compete as suas irmas o disposto neste artigo.
Art.2º) Fica assegurado o direito da mulher expressar a sua opiniao.
a) Nenhum marido esta obrigado a ouvi-la ou, caso renuncie a este direito, nao esta obrigado a dar credito ao que for dito.
b) Na remotissima hipotese da opiniao ser aceitavel ou na impossivel hipotese da opiniao ser intiligente, e licito e perfeitamente justificavel que o marido se apodere da ideia.
c) Cabe as esposas, caso ocorra o previsto neste artigo (paragrafo anterior), fazer a seguinte observaçao: "Nossa, como o senhor e inteligente, meu marido!"
Art.3º) E garantido a mulher o direito de conversar com as suas amigas 1h por dia sobre assuntos se alta relevancia para ela, tais como: marido, crianças, empregada domestica, compras, novelas, etc.
a) Para conversar sobre outros assuntos mais complexos, devera a mulher solicitar autorizaçao ao marido.
b) Se, no horario de que se trata o presente artigo, o marido tiver necessidades, tais como: uma cervejinha gelada, um cafe ou um copo de agua, estas prevalecem sobre o direito da mulher que devera interromper imediatamente, a conversa e servir o seu amado marido.
Art.4º) Fica reservado a esposa o direito de dar a ultima palavra em decisao que o casal tomar.
a) A ultima palavra deve restingir-se a expressao: "sim senhor, meu senhor e marido!"
Art.5º) E dever de toda a esposa que trabalhe ou que tenha renda propria (o que so deve acontecer com anuencia previa e expressa do marido, que podera a qualquer momento e sem justificativa, revoga-la), entregar toda a remuneraçao ao marido para que a administre com a inteligencia que so a ele e peculiar.
Art.6º) Ficam reservados para o gozo pessoal e livre da presença da mulher, todos os finais das sextas-feiras, desde ja declarado como dia nacional dos homens ; todas as manhas de domingo para o futebol ou outras actividades desportivas e ainda os sabados a noite para a cervejinha e/ou para buscar todas aquelas alternativas naturalmente exigidas pela sua condiçao de macho e predador, uma vez que e dever do homem se renovar e esquecer um pouco da sua mulher.
Isto sim, e um pais no caminho certo, e um exemplo a seguir! Os restantes artigos desta brilhante lei ficam para outro dia...

domingo, novembro 06, 2005

Humanos 2 - Pombos 0



"A Malásia vai analisar pombos que foram encontrados mortos. As autoridades suspeitam de mais um caso de gripe das aves.
Os pombos vão ser submetidos a uma análise de rastreio da gripe, apenas como forma de precaução. A hipótese de envenenamento é uma possibilidade em cima da mesa, mas os resultados concretos só serão conhecidos dentro de dois dias."
Eis o que realmente se passou. Começou a ofensiva humana contra os pombos, a fim de se definir quem controlará o planeta durante os próximos anos. Enviámos à Malásia um dos nossos melhores homens, João Serra, que aniquilou estes dois pombos, supostamente os reis da bicharada. Esta acção teve também, em parte, uma componente de ajuste de contas, já que estes pombos eram velhos inimigos de estimação do Serra. Enquanto as autoridades tentam avaliar se a morte se deveu a envenenamento ou ao vírus H5N1, o Serra já regressou a Portugal, não recaindo sobre ele qualquer suspeita. O nosso camarada só não foi lesto a desenvencilhar-se dos cadáveres, mas actuou de forma cirúrgica. O Serra disfarçou-se de velhinha, sentando-se toda a tarde num banco de jardim, alimentando ao mesmo tempo os pombos com grãos de milho. Mal eles sabiam que juntamente com o milho estava misturado um poderoso raticida. A guerra começou e prevê-se que irá endurecer.

A capa da qual o jornal "A Bola" nunca se lembrou


"O Benfica é uma máquina com Fernando a guiar"

Beautiful losers





















sexta-feira, novembro 04, 2005

Ando preocupado com o Pinto




Ando preocupado com o nosso amigo Pedro Pinto. Tenho visitado assiduamente o seu blog e leio sempre relatos enfadonhos do que é a sua semana de trabalho e os projectos em que está envolvido. Eis um exemplo, referente aos dias de 24 a 28 de Outubro:

"This week I tried to enforce a much more strict time management and as result I believe I became slightly more productive.Tuesday was dedicated to the Vision class. I found some interesting papers about bar code recognition and an MSc dissertation concerned with image processing for low resolution cameras. I continued experimenting with Matlab an discovered a Hough transform example that is right what I need to detect the bar code lines. The image processing will follow a pipeline composed by emage enhancement, codebar detection, lines detection and decodification. I'm starting coding from the end of the pipeline with an ideal (drawn) barcode.Wednesday was dedicated to AVT. Besides classes I had to study the curves chapter and finish this week lab assignment. Thursday and Friday were spent in the Ubiquitous Computing project. I installed the development environment as well as the bluecove bluetooth stack and started playing with the java JSR-82 API."

Um dia, gostava de poder ler no seu blog algo do género:

Dia 24 - Cheguei mais cedo ao emprego. Não havia ainda vivalma por ali. Pûs-me a ler a «Hustler». Dei por mim com a empregada de limpeza a 4 metros, com um sorriso malicioso na cara. Sussurei-lhe numa vós rouca que só consigo fazer nos meus momentos de predador sexual "vamos limpar o pó à secretária. Vá lá a ver, não custa nada". Foi bom, mas só durou 10 minutos. O patrão estava a chegar e ela já estava a começar com brincadeiras com a esfregona.

Dia 25 - Fui à «FNAC» comprar o bilhete para o concerto de Village People. Enquanto estava na fila, passou a senhora da limpeza lá do escritório. Viu-me a tirar um macaco do nariz. Acho que acabou o sexo em cima da secretária. De qualquer modo, amanhã tento nova investida. A ver vamos.

Dia 26 - Hoje o patrão apanhou-me a ver os mails do Baião. Pensei para comigo "tou fodido". Mas ele até gostou. Cheira-me que vou ser promovido. A minha câmara web avariou-se. Hoje não pude ver aquela eslovena boazona que se despe para mim sempre às 10h em ponto. Tenho que trabalhar um bocado. A ver se arranjo a merda da câmara.

Dia 27 - Ontem apanhei uma grande bebedeira e hoje estou de ressaca. Não fui ao emprego. Mas o patrão nem deve ter dado pela minha falta. Deve estar entretido desde que recebe os mails do Baião.
Dia 28 - Há 4 dias que não faço nada. Por isso, hoje vou inventar um projecto. Estou a pensar num programa que permita electrificar a capa de um cd de modo a que quando uma pessoa estiver a pegar num álbum de Tony Carreira, Quim Barreiros ou afins, apanhe um choque e desista do seu acto de loucura.

quinta-feira, novembro 03, 2005

O Inferno de San Siro



Cheguei agora mesmo de Milão, cidade à qual me desloquei na qualidade de enviado especial do "Devaneios de Gozões" para fazer a cobertura do jogo Inter-Porto. Aqui estão as opiniões que colhi dos intervenientes.
Mas antes de me alongar, devo dizer que gastei mais dinheiro do que aquele que a direcção do blog me autorizou. É que perdi uma aposta com um jornalista transalpino. Apostei que o Quaresma faria 30 trivelas naquele jogo, mas o rapaz fez apenas meia dúzia. Não tive culpa. Quem é que podia adivinhar?
A este mesmo jogador coloquei a seguinte pergunta na "flash-interview" (não me quis armar aos cucos e lancei a questão da praxe):

Devaneios de Gozões - "Quaresma, estiveram perto da vitória, mas não a conseguiram. O que correu mal?".

Ricardo Quaresma - "Nos momentos finais não aguentámos a pressão dos adeptos do Inter. Nunca é fácil para uma equipa jogar no inferno de San Siro. Como jornalista devia saber isso."

D. G. - "Não sei se reparou, mas não haviam adeptos nas bancadas. Aliás, não se apercebeu de que quando gritou para Adriaanse «vai tomar no cú» as suas palavras fizeram eco em todo o estádio?".

R. Q. - (nitidamente aflito) "A sério! Ouviu-se? Porra pá, eu até disse "tomar" em vez de "levar" para incriminar um brasileiro. Tou bem fodido com o mister! Fosga-se".

D. G. - Tenha calma Quaresma, tenha calma. Agora já não há nada a fazer.

Co Adriaanse justificou a sua estratégia ultra-defensiva nos momentos finais do seguinte modo: "Não havia adeptos nas bancadas, como tal não se justificava um futebol ofensivo e agradável. Defendemos como medida de protesto. E foi para não me ir embora. Se no nosso próximo jogo o Dragão não estiver a abarrotar, saio. Não tenho problemas nehuns em ir-me embora. Agora, se os adeptos do Benfica comprarem os bilhetes todos, propositadamente, para o estádio ficar vazio, nesse caso já não saio."

terça-feira, novembro 01, 2005

Sons



Ryan Adams & The Cardinals - Jacksonville City Nights




Calexico/Iron & Wine - In The Reins

Devaneios de narcotraficantes

Samgs, quem é que inventou o endereço http://hiper-cavaco.blogspot.com/? Algum gajo que participou no bloqueio da Ponte 25 de Abril e sobre o qual, entretanto, se descobriu ser narcotraficante?

Não é possivel apresentar a página...

http://hiper-cavaco.blogspot.com/


Site Counter Hit Counter